Baixe o arquivo GPX para este artigo
-3.1-60.016667Map mag.png

Manaus

Da wiki Wikivoyage
Ir para: navegação, pesquisa


Manaus é a capital do Estado do Amazonas

Entenda[editar]

No início do século XX, Manaus era o centro da produção de borracha e imensamente rica, chegando a ocupar a 4ª posição no ranking de cidades mundiais. A abundância de recursos fez da cidade um centro arquitetônico importante, que hoje preserva o maior pratrimônia de arquitetura Bélle Époque do país. Depois que a semente da seringueira foi ilegalmente levada para a Malásia, a economia regional entrou em declínio. Com a implementação da Zona Franca de Manaus, em 1967, por decreto de lei federal, a cidade voltou a ter sua economia fortaleciada. Hoje, Manaus corresponde a 3,5% do PIB nacional e é a 4ª cidade mais rica do país apesar de suas grandes desigualdades sociais. Manaus é considerada a principal cidade do norte do país, sendo chamada de "Metrópole do Norte".

Manaus também é conhecida como a "cidade sorriso", pois é terra de uma gente alegre e hospitaleira.

A cidade possui muitas atrações turísticas, englobando prédios históricos, museus, parques e centros de pesquisa abertos à visitação pública, além de atrações naturais como o Encontro das Águas e o Parque Janauary. Há inúmeros hotéis de selva nas proximidades da cidade.

Manaus está em total processo de desenvolvimento urbano: o mercado da construção civil está em plena ascensão e novos serviços já presentes em outros locais do país chegam à cidade aos montes, trazendo um novo ciclo de modernização.

O Distrito Industrial mantém-se ativo e crescendo, especializando-se cada vez mais em novas tecnologias para garantir a sustantabilidade do programa da Zona Franca de Manaus e consequentemente a preservação e uso sustentável da região.


Orientação e endereços[editar]

A sinalização de Manaus é precária e sem um bom mapa fica difícil localizar-se fora do perímetro central e na Ponta Negra, regiões mais turísticas da cidade. A Secretaria de Turismo possui diversos pontos de informação pela cidade, onde é possível conseguir material e orientação sobre passeios, hotéis, etc...

Clima[editar]

Média de 34º C, quente e úmido (85% média de umidade).

Chegar[editar]

De avião[editar]

Manaus tem três aeroportos. O principal deles é o Aeroporto Internacional Eduardo Gomes, que recebe voos internacionais e regionais. Os outros dois aeroportos são o de Ponta Pelada (Aeroporto Militar), e o Aeroclube de Manaus (também é usado como ponto para saltos de paraquédas).

Para ir ao centro da cidade que fica a 14 km do Aeroporto Internacional Eduardo Gomes:

  • Táxi (carros brancos)
  • Aerotáxi (carros pretos)
  • Ônibus urbano (linha 306)
  • Ônibus executivo (linha 813)

De ônibus[editar]

Manaus é ligada por via terrestre apenas ao Estado de Roraima e à Venezuela. A rodoviária tem rotas para o interior do estado do Amazonas, Roraima, e Caracas.

De barco[editar]

Existem linhas de transporte fluvial em todas as cidades entre Tabatinga e Belém.

De carro[editar]

Dependendo da estação do ano, da Venezuela por Boa Vista, mas o transporte essencial é fluvial

Veja[editar]

Teatro Amazonas

Centro Histórico[editar]

No Centro de Manaus encontram-se vários monumentos, prédios históricos, igrejas, um grande número de museus, e inúmeras construções da Bélle Époque ainda preservadas e espalhadas pela região.

  • Catedral de Manaus.
  • Igreja da Matriz.É a igreja matriz da cidade, remontando aos missionários carmelitas que, em 1695, ergueram a primitiva Matriz de Nossa Senhora da Conceição. A Igreja já recebeu a visita do papa João Paulo II, em 1980, quando visitou a cidade. A cadeira que ele utilizou ao celebrar a missa campal na cidade, até hoje está guardada no museu da igreja.
  • Museu do Homem do Norte.O acervo do Museu do Homem do norte é constituído por cerca de 2.000 objetos. O conjunto permite uma visão da amplitude cultural regional desde as técnicas do trabalho do dia a dia das populações amazônidas, aos meios de transporte, as habitações, a alimentação, as festas, o artesanato, a religiosidade, os mitos e ritos além de importante acervo arqueológico.
  • Museu do Índio.Mantido pela Congregação das Irmãs Salesianas, o acervo do Museu do Índio, em Manaus, é constituído por utensílios domésticos, armas e adornos das tribos indígenas do alto rio Negro. Possui acervo de 3.000 peças artesanais.
  • Museu de Numismática.O Museu de Numismática do Amazonas tem a sua origem na coleção de moedas, medalhas, cédulas e documentos históricos, organizada pelo comerciante amazonense Bernardo Ramos. Estudioso e fascinado pela Numismática, viajou por vários países, adquirindo peças para sua coleção.
  • Palácio da Justiça.Inaugurado em 1900, se localiza na Avenida Eduardo Ribeiro. O interior do Palácio, é repleto de ornamentos que misturam elementos de variados estilos.
  • Palácio Rio Negro. Antiga sede do governo.
  • Parque da Ponta Negra. A maior praia fluvial de Manaus e, nos tempos de "seca", sua extensa faixa de areia cria uma enorme e longa praia na orla do rio. Ao longo da orla há restaurantes, bares e sorveterias e também um anfiteatro onde são realizados shows e eventos culturais. Nos fins de semana há uma feirinha de artesanato na orla da Ponta Negra.
  • Teatro Amazonas. Um dos teatros mais exuberantes do país e do mundo. O teatro possui quase todos seus objetos e estruturas trazidos e montados de países da Europa, principalmente da França. Até hoje ele é palco de grandes espetáculos. Durante o dia (até umas 17h) é possível realizar visitas monitoradas no valor de R$10,00 a inteira, R$5,00 meia e moradores de Manaus, com comprovante, não pagam.

Fora do centro[editar]

Encontro das Águas.

Mais afastados do centro estão diversos parques que preservam a flora e fauna natural.

  • Bosque da Ciência (dentro do INPA). É possível admirar o peixe-boi e tartarugas da Amazônia.
  • Encontro das Águas. A cidade encontra-se na margem esquerda do Rio Negro (água preta e ácida) este rio encontra-se com o Rio Solimões (água barrenta e rica em nutrientes). O encontro das águas é a junção dos 2 rios, que tem velocidades e temperaturas diferentes, e portanto correm 9 Km sem se misturarem, criando um espetáculo único da natureza.
  • Horto Municipal. Com uma coleção de orquídias raras.
  • Parque do Mindu. O visitante pode fazer caminhadas em trilhas e até ver o Sauim-de-coleira, primata em risco de extinção mas com população significativa dentro do parque.
  • Reserva Florestal Adolpho Ducke. A maior floresta virgem urbana do mundo.
  • Zoológico do CIGS. O zoológico do CIGS (Centro de Instrução de Guerra na Selva) tem espécies da fauna amazônica resgatados do tráfico e animais ou deslocados de seu habitat natural. Mamíferos, aves, répteis e quelônios fazem parte das espécies do zoológico. Animais raros, que só existem em cativeiro, como iraçu-falso e mutum-do-nordeste também podem ser apreciados. Há ainda animais em risco de extinção como o macaco aranha do peito amarelo. Além de conhecer espécies da fauna amazônica, os visitantes podem visitar lojas de artesanato. As crianças também podem brincar no playground do zoológico. Um passeio pela trilha do CIGS é uma boa opção para quem gosta de caminhar: o trajeto tem três itinerários distintos com cerca de 850 metros cada um.

Faça[editar]

Viajar para Manaus significa dar um pulo na Amazônia: existem inúmeros hotéis de selva que oferecem uma diversidade enorme de passeios, desde mais aventureiros até mais relaxantes como: caminhada na selva, pesca, visita às comunidades ribeirinhas, focagem de Jacaré, arvorismo, rapel, boto-terapia, etc.

A maioria dos hotéis de selva estão localizados no Rio Negro, onde os mosquitos não se proliferam pela acidez das águas escuras, diferente do rio Solimões onde as águas claras, sem acidez porém com muitos nutrientes, atraem muitos mosquitos e consequentemente muito mais pássaros, cobras, e sapos, que formam a cadeia alimentar de animais de pequeno porte.

Operadores de Turismo[editar]

Nota: há inúmeras empresas de turismo operando em Manaus. Como nas demais listas do Wikivoyage, os operadores indicados aqui não são necessariamente sugeridos por viajantes que tenham utilizado os e atestado os seus serviços. Cabe a cada viajante checar as credenciais das empresas indicadas. A Associação Brasileira de Agências de Viagens [1] e o Amazonas Convention & Visitors Bureau [2] listam em seus respectivos sites as suas agências associadas.

Compre[editar]

Manaus tem um número enorme de lojas de artesanato regional e ateliês de artistas locais, principalmente na região central da cidade. São trabalhos que variam de bijuterias rústicas até entalhamentos de madeira e biojóias, sempre com a temática e matéria-prima local.

Shopping centers[editar]

  • Amazonas Shopping Center. Inaugurado em 1991, é o mais tradicional shopping de Manaus. Conta com muitas opções na praça de alimentação e diversas lojas âncoras, além de salas de cinema da rede Severiano Ribeiro.
  • Manauara Shopping. Inaugurado em 2009, foi construído com ambiente regional amazonico, além de ser o maior shopping da cidade até o presente momento.
  • Millennium Center Mall. Considerado o shopping mais luxuoso do norte do Brasil, possui uma praça de alimentação "gourmet" e é frequentado pelas classe mais altas. Recentemente inaugurou 8 salas de cinema da rede Cinemais. O shopping é anexo de um hotel.
  • Shopping Studio 5 Festival Mall. Ideal para quem procura divertimento e entretenimento, possui pistas de boliche e um complexo de cinemas da rede Cinemark, além de academia de ginástica e cervejaria. O shopping é anexo de um centro de eventos e hotel. Possui salas da cinema da rede Cinemark.
  • TVlândia Mall. Pequeno porém eficiente, o TVlândia é um centro de serviços. Possui hipermercado, cabeleireiro, chaveiro, restaurantes e oito salas de cinemas da rede Cinemais.

Existem outros shopping's menores, que atendem à população, os principais são "Uai Shopping São José", "Grande Circular Shopping" e "Shopping Cecomiz".

Mercado público[editar]

  • Mercado público (próximo do porto de Manaus). Lá você encontra de tudo, de lembrancinhas a comidas e ervas exóticas. Para quem gosta de conhecer novas culturas vale a pena conferir. Ao lado tem também a Ceasa com várias frutas inclusive as nativas.

Coma[editar]

Peixes[editar]

Os principais peixes da região são:

  • Jaraqui — Peixe mais popular da região, delicioso quando frito. Há um ditado polular da regiao que diz: Quem come jaraqui, nao sai mais daqui.
  • Pacú — Um peixe com o formato de disco, mito saboroso, pode ser assado, frito ou cozido.
  • Piranha — é um peixe muito apreciado, principalmente por ser afrodisíaco, muito enérgico devido à gordura.
  • Tambaqui — Um dos mais apreciados da região, suas carnudas costelas, assadas na brasa ou fritas, são de dar água na boca.
  • Tucunaré — Coma uma "caldeirada" deste peixe cozido, é um dos peixes mais gostosos da Amazônia. Também é muito apreciado quando frito, principalmente quando é acompanhado de Açaí.

Frutas[editar]

As principais frutas típicas da região são:

  • Açaí — Do açaí pode ser feito o caldo, o vinho, o suco, o sorvete e o doce. Também existem refeições ã base de açaí e peixe.
  • Cacau — É essencial na fabricação do chocolate. A fruta possui um gosto muito diferente do chocolate.
  • Castanha-da-Amazõnia — Também é conhecida como "castanha-do-Pará", é encontrada em todos os Estados da Amazõnia e possui um sabor adocicado. Pode ser usada em doces e leites.
  • Cupuaçu — Possui um sabor adocicado, desta fruta pode ser feito o suco, o doce, o sorvete e outras sobremesas.
  • Tucumã — Sua árvore é espinhosa, a fruta é saborosa, pode ser consumida com alimentos tícos da região, como o X-Caboquinho.

Restaurantes[editar]

  • Casa da Sopa, Av. Constelação, 22 - Conj. Morada do Sol - Aleixo, 92 3648 8667. Café da manhã, dom 7h-12h; almoço, 2a-6a 12h-14h; jantar, 3a-dom 19h-00h.. Ambiente agradável, serve café da manhã.
  • Restaurante da Charufe, Rua Maceió, 26 (ao lado do Ministério da Agricultura), 55 (92) 9128-4628, e-mail: . A conhecida quituteira abre em sua própria casa somente para almoço de seguntas a sextas-feiras. Comidas árabes, a famosa paella, filés e peixes regionais elaborados do jeito caseiro. Ambiente simples e descontraído. Às sextas, a famosa tartarugada (certificada) e, aos sábados, feijoada, ambos somente com reservas antecipadas. A própria Charufe, proprienária, atende junto com sua equipe, enquanto também se desdobra na cozinha. Aceita todos os cartões.
  • Restaurante Galo Carijó, Rua Andradas - Centro.
  • Peixaria Chapéu de Palha da Benção, Av. Rio Negro, n. 131A, Vila Marinho, Compensa 3 (dentro do seringal, em frente ao estaleiro São João), 92 9117-9549. 4a-dom e feriados, 12h-15h. Rodízio de peixes de água doce. Um bom lugar para conhecer os peixes da região e pratos típicos. O dono é evangélico então não há venda de bebidas alcoólicas, aproveite para tomar o melhor suco de cupuaçu de Manaus. R$ 35,00.

Beba e saia[editar]

Ao contrário do que muitos pensam, a cidade possui vida noturna relativamente agitada, predominam casas de forró, MPB, rock e reggae.

  • Cachaçaria do Dedé. O nome já diz, uma grande cachaçaria, com uma grande variedade de bebidas, é ponto de encontro de amigos.
  • Café Cancun. Representação da franquia muito badalada pela high society manauara.
  • Kabana´s. Nova casa sensação do momento, regado a muito forró e pé de serra.
  • Porão do Alemão. Melhor fim de noite, rock 'n roll e muita bebida.

Durma[editar]

Econômico[editar]

  • Gol Backpackers, Rua Barroso, 365 - Centro (ao lado do Teatro Amazonas), 92 3304-5805, e-mail: . Hostel com quartos compartilhados, muito adequado a mochileiros. Disponibiliza passeios turísticos em Manaus. Para quem quiser pegar um barco para outras regiões o hostel faz contato direto com os barcos e apresenta preços bem honestos. R$30,00 por pessoa com café da manhã.
  • Hotel Ana Cássia, Rua dos Andradas, 14 - Centro (atrás do Porto de Manaus), 92 3303 3637.
  • Hotel Colonial, Rua Quintino Bocaiúva, 462 - Centro, 92 3233 3216.
  • Hotel Palace, Av. Sete de Setembro, 593 - Centro, 92 3622 4622.
  • Hotel Veneza, Rua Leovegildo Coelho, 460 - Centro (Hotel familiar no centro de Manaus perto da Praça da Policia), +55 92 3307 1421, e-mail: . Quartos para ate 8 pessoas com banheiro privativo, ar condicionado, TV ao cabo, frigobar, serviço de quarto, Internet. Café de manha no terraço superior com vista sobro o centro de Manaus. Hostel 25 Reais, quarto solteiro 60 Reais, quarto casal 80 Reais.
  • Ibis, Avenida Mandii, 4 - Distrito Industrial, 92 2123 6234.
  • Manaus Jungle Hostel, Rio Negro, 92 8165 1118. Um acampamento,para turistas que viajam com orçamento apertado é um excelente local para estes.
  • Pensão Sulista, Av. Joaquim Nabuco, 347 - Centro, +55 92 3234 5814. Hotel tradicional em edifício histórico de 1904. Quartos com ventilador e TV. Café de manha, acesso à Internet sem fios e estacionamento privativo gratuito. Diárias a partir de R$30 quarto individual, R$25 Hostel opção.

Médio[editar]

  • Camu Camu Lodge, Rio Tupana, BR-319, km 175 (no Rio Tupana 180 km ao sul de Manaus), 92 9190 5070. Chalés com banheiro privativo e restaurante com vista panorâmica. Excursões da selva na reserva Tupana, conhecido por rica fauna e flora, floresta tropical primária e recursos pesqueiros.
  • Manaus Hotéis - Saint Paul, Rua Ramos Ferreira, 1115 - Centro, 92 2101 3800. Excelente hotel, próximo aos principais pontos turísticos como o Teatro Amazonas e o Porto de Manaus, com apartamentos com TV a cabo, ar-condicionado, cofre. Café da manhã incluso na diária. Aceita todos os cartões.
  • Taj Mahal Plaza, Av. Getúlio Vargas, 215 - Centro, 92 3232 7766.

Esbanje[editar]

  • Tropical Manaus, Av. Coronel Teixeira, 1320 - Ponta Negra, 92 2123 5000.

Segurança[editar]

A cidade conta com um grande efetivo Policial Militar e de Guarda Metropolitana. Recentemente foi inaugurado um programa chamado Ronda no Bairro que fez melhorar muito a segurança na cidade. Mesmo assim é necessário tomar o mesmo cuidado que se toma em qualquer outra capital brasileira.

Partir[editar]


Este artigo é usável. Ele contém informações sobre como chegar e algumas indicações completas de restaurantes e hotéis. Uma pessoa mais corajosa poderia utilizá-lo para viajar, mas por favor mergulhe fundo e ajude-o a crescer!