Baixe o arquivo GPX para este artigo
-15.16-48.283888888889Map mag.png

Padre Bernardo

Fonte: Wikivoyage
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


Padre Bernardo é um município brasileiro do estado de Goiás, distante 111 km de Brasília.

Entenda[editar]

Em meados da década de 1930, romeiros originários de regiões vizinhas, principalmente do Vão dos Angicos, iniciaram a tradição de realizar festa em louvor ao Divino Espírito Santo, na área em que se desenvolveria o povoamento.

Em 1951, foram doadas terras para a função religiosa por Jerônimo de Amorim, que contribuiu com dez alqueires ao Santo Padroeiro Divino Espírito Santo, localidade onde hoje encontra-se a Igreja do Divino Espírito Santo. Em 1957, o núcleo urbano foi fundado pelo professor, José Monteiro Lima, que dividiu sua Fazenda Barro Alto, em sítios e lotes, doando as famílias sem recursos e vendendo aos que desejavam fixar-se na região, a fim de que o Distrito tivesse um grande impulso e logo emancipasse.Essa ocupação desenvolveu-se a cerca de 12 quilômetros à esquerda do rio Maranhão, nas margens do Córrego Barro Alto. O nome de Padre Bernardo foi, de fato, oficializado por lei de 22 de novembro de 1955. A denominação é homenagem ao pároco de Luziânia, que visitava constantemente o novo povoado com o objetivo de realizar casamentos e batizados, além de atender à demanda religiosa da localidade. 1963, através do Projeto de Autoria do Deputado Olinto Meireles, e através da Lei Estadual nº 4797, o Distrito foi elevado a categoria de Município, constituindo-se termo judiciário da Comarca de Luziânia, ocorrendo sua instalação em 9 de maio de 1964.

Padre Bernardo possui peculiaridades e características determinantes da origem de seu povo,isto é, há miscigenação cultural entre mineiros, nordestinos, remanescentes de outras partes do país e do próprio estado de Goiás.

Chegar[editar]

  • Saindo de Brasília, tome o rumo de Brazlândia e siga reto pela BR-080.

Circule[editar]

Veja[editar]

  • Igreja Divino Espírito Santo - Local da festa de que deu origem à cidade, consegue reunir ainda hoje milhares de pessoas, em louvor ao Divino Espírito Santo. A capela, construída em devoção à figura religiosa, em terreno doado por Rosa Fernandes Cabral, é palco da movimentação de fiéis que participam de missas, folias e atividades culturais. As festividades duram nove dias, com encerramento na comemoração de pentecostes.

Faça[editar]

Eventos[editar]

  • Janeiro:
Folia de Reis - 6
Folia São Sebastião - 20
  • Fevereiro
Carnaval de rua
  • Maio
Festa do divino - 9 a 19
Aniversário da Cidade - 9
  • Junho
Exposição Agropecuária
  • Julho
Festa de Nossa Senhora do Carmo, padroeira de Padre Bernardo
  • Outubro
Dia do Evangelho - 31

Compre[editar]

Coma[editar]

Beba e saia[editar]

Durma[editar]

Partir[editar]



Este artigo está delineado e precisa de mais conteúdo. Ele já segue um modelo adequado mas não contém informações suficientes. Mergulhe fundo e ajude-o a crescer!