Baixe o arquivo GPX para este artigo
41.633333-8.35Map mag.png

Amares

Fonte: Wikivoyage
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


Santuário de Nossa Senhora da Abadia

Amares é uma vila portuguesa pertencente ao Distrito de Braga, região Norte, sede de concelho, integrada numa zona montanhosa, num bonito vale formado pelos rios Cávado e Homem, de feição maioritariamente rural, famosa pela produção de laranjas e do muito conceituado Vinho Verde.

Entenda[editar]

Amares apresenta um arquitectura rural simples, típica desta região nortenha, onde casas rurais convivem com casas apalaçadas e solares dos grandes senhores agrícolas, como a Casa da Tapada, entre muitas outras, dispersas entre as muitas pitorescas aldeias rurais do concelho, que merecem uma visita. O desenvolvimento desta vila foi muito influenciado pelas Ordens Religiosas que se instalaram na região, como a Ordem Beniditina no Mosteiro de Rendufe, no século XI, e a Ordem de Cister que instituiu o Mosteiro de Santa Maria do Bouro no século XII.

Chegar[editar]

De autocarro/ônibus[editar]

A vila tem ligações regulares de autocarro para a cidade de Braga, através da qual tem acesso para a maioria das cidades do norte do país.

De carro[editar]

Através da cidade de Braga seguindo a estrada nacional nº 101

Circular[editar]

De comboio/trem[editar]

A partir de Braga é possível ter acesso á linha de comboio para a cidade do Porto.

De autocarro/ônibus[editar]

Existem autocarros que fazem o percurso até ao Parque Nacional Peneda Geres, e para a cidade de Braga.

De barco[editar]

De carro[editar]

Veja[editar]

  • . Ligado à fundação do Condado Portucalense e às lutas da independência de Portugal, esta fortaleza construida no sec IX, foi responsavel por defender a primeira capital do Reino.
  • . Erguido no topo do Monte do Pilar, o maior monólito granítico do país, este é um dos mais imponentes Castelos Portugueses.
  • . Considerado uma das principais casas dos monges beneditinos no país, foi seu fundador Egas Viegas de Penagate, membro da nobreza e mestre da Ordem dos Templários no país entre 1157 e 1196. Foi senhor das Terras de Bouro, associadas às de Penela, entre os rios Cávado e o Lima. Ao longo dos séculos o mosteiro foi ampliado, mas as principais obras datam do século XVIII, como a construção da nova igreja e dependências conventuais, com destaque para a Capela do Santíssimo Sacramento.
  • . Fundado no sec. XI, este edificio encontra-se classificado como Imóvel de Interesse Público desde 1944.
  • . A aldeia de Vilarinho da Furna foi um lugar da freguesia de Campo do Gerês, situada na zona Nordeste do Concelho de Terras de Bouro. Foi submersa, no início dos anos 1971, e com ela uma grande riqueza etnográfica, associada às actividades agro-silvo-pastoris, vivências e espírito comunitário do seu povo, das habitações e outras histórias do passado. Como forma de salvaguardar todo o património da aldeia, foi construído o Museu Etnográfico de Vilarinho da Furna, por iniciativa do, então, jovem estudante de Vilarinho, Manuel de Azevedo Antunes, com o apoio, principalmente, da Câmara Municipal de Terras de Bouro, que recria o lugar que foi submerso pelas águas da albufeira, no rio Homem, aquando da inauguração da barragem, em 21 de Maio de 1972. De portas abertas desde 1989, é uma mostra viva daquilo que foi Vilarinho da Furna e o próprio Museu foi construído com objectos originais e casas retiradas da aldeia.
  • . Uma das maiores atracções naturais de Portugal, pela rara e impressionante beleza paisagística e pelo valor ecológico e etnográfico e pela variedade de fauna (corços, garranos, lobos, aves de rapina) e flora (pinheiros, teixos, castanheiros, carvalhos e várias plantas medicinais). Estende-se desde a serra do Gerês, a Sul, passando pela serra da Peneda até a fronteira espanhola. Inclui trechos da estrada romana que ligava Braga a Astorga, conhecida como Geira. No parque situam-se dois importantes centros de peregrinação, o Santuário de Nossa Senhora da Peneda, réplica do santuário do Bom Jesus de Braga, e o de São Bento da Porta Aberta, local de grande devoção popular.
  • . Mandado contruir no sec XVIII, este santuário católico constitui-se num conjunto arquitetónico-paisagístico integrado por uma igreja.
  • . O Santuário de Nossa Senhora da Abadia é um santuário mariano do séc XVIII que impressiona pela imponente fachada, assim como pelo seu estado de conservação. O interior do templo setecentista, tem três naves, separadas por arcadas de volta inteira assentes em colunas toscanas.

Faça[editar]

Compre[editar]

  • Laranjas de Amares – Amares tem uma característica, única no país: laranjas fora de tempo, desta forma é possível encontrar nas feiras tradicionais normalmente realizadas todas as Sexta-feiras, ou mesmo no comércio local.
  • . A feira semanal de Barcelos é considerada uma das mais mediáticas feiras de Portugal. Realiza-se semanalmente, às quintas-feiras. É tradição já antiga, nela podemos sentir a alma e a cultura das gentes do Minho e de Barcelos em particular. É um espaço rico em cor e diversidade no qual podemos encontrar produtos hortícolas, artesanato e produtos regionais. Surgiu pela primeira vez em 1412. Foi concedida por D. João em carta de 19 de Fevereiro do mesmo ano, a pedido do Conde de Barcelos D. Afonso, seu filho.

Coma[editar]

  • Cabrito Assado
  • Arroz de Galo "pica no chão"
  • Posta de Vitela
  • Rojoes com Papas de Sarrabulho
  • Bacalhau á Moda do Convento
  • Bacalhau á Moda de Braga

Beba e saia[editar]

  • . Este Projecto surgiu em 1982 de uma iniciativa pessoal, numa altura em que poucos ou mesmo nenhuns espaços de diversão nocturna existiam. Esta Casa surge de um lagar (derivando daí o nome Lagar's) pertencente á família da proprietária, a partir do qual é construída a primeira fase deste espaço.

Durma[editar]

Econômico[editar]

Médio[editar]

  • , Largo do Terreiro, 253 371 970, fax: 253 371 976, e-mail: . Resultado do restauro de um Mosteiro Cisterciense do séc. XII, um dos mais característicos desse período em Portugal, num trabalho notável do Arquitecto Eduardo Souto de Moura, premiado com o Prémio Pritzker 2011, o maior prémio mundial de arquitectura. Este fantástico hotel no Gerês rodeado por jardins deslumbrantes e exaustivamente restaurado e adaptado aos tempos modernos transformou-se num templo do sossego.

Esbanje[editar]

Mantenha contato[editar]

Segurança[editar]

  • , Rua Combatentes do Ultramar nrs 16, 18 e 20, Ferreirros.

Saúde[editar]

  • , Rua 25 de Abril, 253 909 230.
  • , Lugar das 7 Fontes, 253 027 000.

Cotidiano[editar]

Partir[editar]


Este artigo está delineado e precisa de mais conteúdo. Ele já segue um modelo adequado mas não contém informações suficientes. Mergulhe fundo e ajude-o a crescer!