Baixe o arquivo GPX para este artigo
45.06677.7000Map mag.png

Turim

Fonte: Wikivoyage
Europa > Itália > Piemonte > Turim
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


Turim (Torino, em italiano) é uma cidade da região do Piemonte, na Itália. Apesar de sua importância histórica para a unificação italiana, esta cidade poderia passar despercebida para um viajante apressado, principalmente por ser considerada, por alguns, como uma cidade meramente industrial.

Aqueles que vêem Turim somente como um pólo econômico não estão completamente desprovidos de razão. A FIAT, uma das maiores empresas italianas, tem sua origem aqui (FIAT, aliás, é uma sigla para Fábrica Italiana de Automóveis de Turim). Além disso, a cidade possui uma das maiores faculdades de engenharia do país: o Politecnico di Torino. No entanto não pode-se afirmar que ela seja só isso. Recentemente, em 2006, ela foi sede dos jogos olímpicos de inverno, o que trouxe uma série de reformas e restaurações que realçaram os outros lados dessa metrópole, junto com uma melhoria substancial no transporte público e na programação cultural da cidade.

Em resumo, Turim é surpreendente. Não é uma clássica cidade italiana renascentista, mas sem dúvida tem seu charme. Os viajantes que aqui atracarem têm a garantia de uma surpresa, seja ela cultural, com o museu do cinema, religiosa com o Santo Sudário ou histórica com o primeiro palácio real da Itália.

Piazza Savoia e Mole Antonelliana

Chegar[editar]

De avião[editar]

O 1 (IATA: TRN – ICAO: LIMF). fica 15 km ao norte da cidade, e recebe o nome do ex-presidente italiano Sandro Pertini. É conectado ao centro por estrada e ferrovia.

Circule[editar]

Metrô de Turim (Metropolitana di Torino)

Apesar de ter cerca de 900.000 habitantes, o espaço que compõe as principais atrações de Turim não é tão grande assim, e pode ser todo percorrido a pé. O ponto focal da cidade é a Piazza Castello, a partir da qual é fácil orientar-se. Tomando-se a Via Po, chega-se ao rio de mesmo nome, à Piazza Vittorio Veneto e à Murazzi. O museu do cinema situa-se em uma rua perpendicular a Via Po, mas é facilmente encontrado devido a sua majestosa coluna que pode ser vista de qualquer ponto da cidade. Em outra direção, toma-se a via Roma para chegar à estação de trem Porta Nuova, passando nas cercanias do Museu Egípcio. Basicamente todas as atrações turísticas estão dentro desses limites.

Veja[editar]

Duomo
  • . Não deixe de entrar nessa igreja, localizada ao lado do Palácio Real. Um viajante desavisado poderia passar direto, porém vale admirar sua arquitetura interior. Possivelmente a mais bela de Turim, essa foi a primeira igreja a ter janelas em sua cúpula para aproveitar a iluminação solar. A igreja possui ainda outras particularidades, procure os educados guias (gratuitos) quando chegar lá.
  • 1 (Duomo di San Giovanni), Piazza San Giovanni. Não fosse pelo objeto que guarda, a catedral não impressionaria mais que outras igrejas da cidade; espaçosa, bem decorada, com um pé-direito alto e bastante iluminada, sua maior atração é o controvertido Santo Sudário. Nem sempre ele está em exibição (o que só acontece por decreto papal). Informações sobre estes períodos podem ser consultadas no website.
  • 2 . Seg-Sex de manhã, Sab todo o dia, mercado de pulgas no Dom. Diz-se que não há nenhum turinês que nunca tenha falado “L’ho trovato a Porta Palazzo!” (encontrei na Porta Palazzo!) quando procura um item raro. Pode ser um exagero, mas há quem diga que esse é o maior mercado a céu aberto da Europa. Sapatos, camisas, luminárias, verduras e frutas: pode-se encontrar de tudo aqui, com o preço mais barato da cidade.
  • . Turim foi fundada em cerca de 30 a.C. pelo Império Romano como Castra Taurinorum, uma guarnição fortificada na fronteira com a Gália Cisalpina. Depois de dois milênios, alguns traços ainda são claros. As antigas muralhas são um exemplo. Outro são as ruas ortogonais típicas do planejamento urbano imperial romano, evidentes no bairro "Quadrillatero Romano" da cidade - Via Garibaldi era originalmente o decumanus maximus, a principal rua leste-oeste.
  • 3 , Corso Unità d'Italia, 40. O museu do automóvel é uma espécie de galpão com diversos modelos de carros. Para os turineses, o museu é emblemático, pois a imagem de Turim, para os italianos, sempre foi muito ligada à indústria automobilística. De modo a retratar a história do automóvel, a exposição segue uma ordem cronológica, começando no Ford T e terminando, como tinha de ser, nas Ferraris italianas da Fórmula 1. Essa é, talvez, a única atração um pouco deslocada do centro. Para chegar ao museu é preciso pegar o tram 16 da Piazza Vittorio Veneto.
  • 4 , Via Accademia delle Scienze, 6, +39 011 561 7776. O maior museu egípcio fora do próprio Egito está em Turim. Nele você encontrará uma enorme variedade de artigos que vão desde reproduções de fragmentos da Pedra de Rosetta a templos inteiros. Também compõem o acervo algumas esfinges, semelhantes às de Gizé, porém em menor escala, com cerca de 3 metros de comprimento. Curiosamente, estas também possuem o nariz quebrado, da mesma maneira que as grandes. Um tour completo e atencioso deve durar em torno de três, quatro horas. €13.
  • 5 . O prédio que abriga o museu do cinema marca o cenário de Turim. Denominado Mole Antonelliana, o prédio sustenta uma suntuosa torre de 167 metros. Em seu interior, o museu retrata a história do cinema como um todo, do seu nascimento com meras ilusões de ótica ao King Kong. Para os amantes mais aficcionados, o último andar apresenta uma coleção de pôsteres dos filmes mais marcantes do cinema mundial, com um tímido destaque para filmes italianos.
  • . Pouca importância se dá a essa atração que possui tanto significado histórico: trata-se da primeira residência de um rei da Itália. Seus aposentos não são tão suntuosos quanto um Palácio de Versalhes, mas também não deixam a desejar. As visitas são necessariamente guiadas, o que faz com que você não apenas veja, mas aprenda. Informe-se sobre os horários.
  • 6 . Essa praça é o centro propriamente dito de Turim. Quase todas as linhas de ônibus e tram, convergem nesse local e seus arredores imediatos. Fora isso, nela ocorrem manifestações das mais diversas, desde protestos políticos à multidões assistindo campeonatos de rúgbi (esporte no qual, aliás, a Itália deixa a desejar). A praça por si só já é uma atração turística, uma vez que nela pode-se ver fragmentos da antiga muralha romana da cidade, diversas estátuas provenientes do museu egípcio e ainda a fachada do Palácio Real. Outras atrações turísticas da praça são a Chiesa di San Lorenzo e a Armeria Reale.

Faça[editar]

Compre[editar]

Coma[editar]

Beba e saia[editar]

  • . Considerado o centro noturno de Turim, essa viela possui diversos bares e boates. Localizado ao lado da Piazza Vittorio Veneto, na margem do rio Po, o maior da Itália, é um excelente local para curtir a noite.
  • . A grande atração dessa praça não é a praça em si. Não há nada de errado com ela, é um belo local, mas seu charme está na grande aglomeração noturna dos jovens. Sendo considerada, assim, o local ideal para uma troca de idéias e uma boa cerveja.

Durma[editar]

Partir[editar]

  • Bardonecchia - Trens para Bardonecchia partem de hora em hora da estação Porta Nuova, em Turim, e levam pouco mais de uma hora até seu destino. Essa cidade possui uma das principais pistas de esqui construídas para as olimpíadas, mas não intimide-se, há diversos níveis de dificuldade. Até os menos esportivos vão apreciar o ar montanhoso e a neve do local, bem como a vista do princípio dos Alpes.
  • Vale de Aosta - Aosta é uma cidade simpática a cerca de duas horas de trem de Turim. Contudo, o mais atraente de Aosta não está na cidade, é o parque nacional do Gran Paradiso. Da rodoviária localizada ao lado da estação de trem, pegue um ônibus em direção ao parque. Por mais que perca-se algum tempo de translado, o parque vale a viagem. Lá você irá encontrar uma mistura de natureza, neve, montanhas e beleza tal qual não será fácil encontrar novamente.



Este artigo está delineado e precisa de mais conteúdo. Ele já segue um modelo adequado mas não contém informações suficientes. Mergulhe fundo e ajude-o a crescer!