Nepal

Da wiki Wikivoyage
Ir para: navegação, pesquisa
Localização
noframe
Bandeira
Flag of Nepal.svg
Informações Básicas
Capital Katmandu
Governo Monarquia parlamentarista
Moeda Rúpia Nepalesa (NPR)
Área total: 140.800 km2
água: 4.000 km2
terra: 136.800 km2
População 27.676.547 (est. julho 2006)
Idioma Nepalês
Religião Hinduísmo 86,2%, budismo 7,8%, islamismo 3,8%, outras 2,2%
Eletricidade 230V/50Hz
Código telefônico +977
Internet TLD .np
Fuso horário UTC+5:45


O Nepal [1] é um país do Sul da Ásia, situado entre a China e a Índia. Nele estão localizados oito dos dez maiores picos do mundo, incluindo o Monte Everest, o mais alto de todos, na fronteira com a China.

Regiões[editar]

Nepal está dividido en cinco regiões, subdivididas em quatorze zonas:

Mapa do Nepal

Cidades[editar]

  • Katmandu - a capital e centro cultural do Nepal
  • Bhaktapur - cidade histórica bem preservada e centro de fabricação de cerâmica, fica a 20 km de Katmandu
  • Biratnagar - cidade de interresse político
  • Birgunj - centro de intercâmbio comercial entre a Índia e o Nepal
  • Dharan - linda cidade no leste do país
  • Namche Bazaar - local popular entre os trilheiros
  • Nepalgunj - nas proximidades do Parque Nacional Bardiya
  • Patan - cidade-irmã de Katmandu e centro de fabricação de peças em metal
  • Pokhara - cidade pitoresca à beira de um lago

Outros destinos[editar]

  • Parque Nacional Chitwan Real, com tigres rinocerontes e animais em seu habitat
  • Khumbu - no pé do Everest
  • Nagarkot - Uma estação de montanha a uma hora de Katmandu, a qual oferece uma excelente vista da cadeia do Himalaia
  • Daman - pequena vila nas montanhas, com vista panorâmica do Himalaia; o amanhecer é o destaque

Entenda[editar]

Chegar[editar]

De avião[editar]

O visto de Nepal é obtido no aeroporto de Katmandu, custa US$ 30 (é bom ter a quantia exata!) e exige uma foto 3X4. O Aeroporto Internacional Tribhuvan localiza-se a 6 km do centro da cidade (Thamel). De taxi o valor a ser pago é de aproximadamente 800 NR (8 US$). Chega-se mais facilmente ao Nepal com conexões a partir da Índia.

De carro[editar]

O melhor caminho para explorar Nepal por estrada é cruzar na fronteira entre as cidades de Banbasa e Mahendra Nagar, logo após a passagem da fronteira a Rodovia Mahendra (feita com a colaboração da Índia) é incrivelmente fácil de percorrer.

Cruzando a fronteira e requerido que você pague um pedágio diário de NPR120 e uma autorização de transporte de NPR50 (somente uma vez), a polícia pode pedir-lhe estes dois documentos a qualquer momento durante a sua estadia no Nepal.

De comboio/trem[editar]

Trens de passageiros operam entre Sirsiya no sul do Nepal, e a cidade indiana de Raxaul. No entanto, exceto para os índianos, os estrangeiros não estão autorizados a atravessar a fronteira de trem.

De autocarro/ônibus[editar]

Circular[editar]

De avião[editar]

Há diversas companhias aéreas domésticas no Nepal como Yeti Air, Tara Air e Nepal Airlines que oferecem frequentes voos para diversas localidades dentro do país. Destino de/e para Kathmandu inclui lugares como Biratnagar, Nepalganj, Lukla, Pokhara, Simikot, Jomsom, Janakpur e Bharatpur. Se você está comprando bilhetes, enquanto no Nepal ou se você está voando a curto prazo, é necessário ser flexível em tempos de voo / datas. Muitas vezes cancelam voos ou há atrasos de até dois dias devido condições climáticas. Se você tiver tempo, basta embarcar no próximo avião.

De carro[editar]

De autocarro/ônibus[editar]

De comboio/trem[editar]

Fale[editar]

Veja[editar]

Patan
Monte Everest
  • Monte Everest, a montanha mais alta do mundo é provavelmente a mais famosa vista do Nepal. Grande parte do país é composto por montanhas muito altas.

Há quatro locais no Nepal considerados património mundial pela UNESCO:

  • O Vale de Katmandu, obviamente, incluindo a capital, mas também as cidades de Bhaktapur e Patan.
  • Parque Nacional de Sagarmatha. É parte das montanhas do Himalaia. Nele se localiza o Everest. Sagarmatha é o nome dado a este pico em nepalês
  • Parque Nacional de Chitwan - É o mais antigo parque nacional do Nepal, é rico em flora e fauna, que inclui algumas das últimas populações de rinoceronte-indiano (Rhinoceros unicornis) e do tigre-de-bengala.
  • Lumbini, é famoso por ter sido o local onde teria nascido Sidarta Gautama, o fundador do budismo, cerca de 563 a.C.

Faça[editar]

Compre[editar]

Coma[editar]

Beba e saia[editar]

A água que você pode beber sem medo de ficar doente é rara por causa da falta de instalações de tratamento de água e tratamento de esgoto. É mais seguro supor que a água é insegura para beber por isso prefira chá ou água engarrafada. É possível comprar água filtrada, tratada em cidades e muitas aldeias. O Projeto de Área de Conservação do Annapurna (ACAP) instalou um número de estações de água segura ao longo do Circuito Annapurna onde a água pode ser comprada por um custo razoável.

Durma[editar]

Acomodações econômicas no Nepal variam de NPR250 a NPR750 para duas pessoas. Os preços muitas vezes não são fixos por isso pechinche, especialmente se você quiser ficar por um longo período. Quartos mais baratos geralmente não têm lençóis, cobertores, toalhas, ou qualquer outra coisa além de uma cama e uma porta. A maioria dos hotéis e pensões têm uma ampla gama de quartos, por isso não deixe de ver o que você esta pechinchando antes de fechar o valor. Preço habitual para três estrelas (AC, banheiro, acesso à Internet e TV via satélite no quarto) é em torno de USD20 (NPR2.000) para um casal, um pouco mais em Katmandu. Acomodações podem facilmente ser a parte mais barata do seu orçamento no Nepal.

No entanto, se preferir acomodações de luxo, os melhores hotéis equivalem aproximadamente a hotéis de quatro estrelas nos países ocidentais (acesso ilimitado à piscina ou hidromassagem, sem cortes de energia, serviço de quarto, muito bom restaurante e pequeno-almoço buffet) o preço é de cerca de 50USD para um duplo ou 100USD para um apartamento, ainda mais em Katmandu). Nestes hotéis, todos os preços são geralmente fixos.

Aprenda[editar]

Trabalhe[editar]

Os visitantes ao Nepal devem estar cientes de que é ilegal fazer "trabalho voluntário" com um visto de turista. A fim de se voluntariar legalmente, a organização que vai envolver você deve obter para você um visto de não-turista.

Infelizmente, o turismo voluntário tornou-se na maior parte mais rentável do que o turismo real. Operadoras estrangeiras e agentes nepaleses encontraram um suprimento inesgotável de pessoas bem-intencionadas, mas ingênuas, que pagam às vezes até grandes quantias para ser "voluntário" em Thamel, Pokhara ou no Parque Nacional de Chitwan.

Segurança[editar]

A insurreição maoísta terminou em 2006 depois que assinaram o acordo de paz com o governo, atualmente o governo está na mão do congresso que tem o apoio dos maoístas. Devido esta mudança os turistas estão agora muito mais seguros do que antes. As rotas de trekking e outros destinos turísticos são seguros para viagens.

As cidades do Nepal são bastante seguras. No entanto é aconselhável não fazer ostentação de riqueza.

Seja cauteloso com o transporte público. As estradas são estreitas, íngremes, sinuosas e freqüentemente cheia. Voos domésticos com uma empresa privada são mais seguros do que as estradas. Riscos de vôo são maiores antes e durante a estação de monção.

Se você estiver seriamente ferido ou doente, onde não há estradas ou aeroportos disponíveis, a evacuação médica por helicóptero pode ser a sua melhor chance. Se não houver uma garantia de que a conta será paga, as empresas que oferecem estes serviços podem recusar, assim procure um seguro que abrange evacuações médicas.

Saúde[editar]

População: 24,7 milhões Cobertura do fornecimento de água: 88% Cobertura do saneamento: 28% Percentagem abaixo do limiar da pobreza: 42% Programa da WaterAid teve início em: 1986 No Nepal a WaterAid trabalha com sete ONGs parceiras nas zonas rurais e urbanas. Muito do trabalho inicial concentrou-se em criar e reforçar a ONG especialista Água do Nepal para a Saúde (NEWAH - Nepal Water for Health) e em conjunto, a WaterAid e a NEWAH ajudaram mais de 450.000 pessoas pobres nas zonas rurais do Nepal. A abordagem adoptada pela NEWAH para questões sobre o género e a pobreza nas zonas rurais garante que as pessoas mais pobres e as mulheres beneficiam dos projectos. Os projectos nas comunidades urbanas estão a expandir e em Kathmandu a WaterAid também está a trabalhar com o fórum das ONGs para a água e o saneamento urbanos, para analisar as reformas propostas para o fornecimento de água para garantir que são a favor das pessoas pobres, sustentáveis e aceitáveis para o meio ambiente. A WaterAid também está a encorajar um interesse nacional para alcançar os Objectivos de Desenvolvimento do Milénio para a água e o saneamento promovendo discussões sobre os objectivos anuais e os custos dos mesmos.

Mantenha contato[editar]

Este artigo está delineado e precisa de mais conteúdo. Ele já segue um modelo adequado mas não contém informações suficientes. Mergulhe fundo e ajude-o a crescer!
26.533333333333; 86.733333333333Internet-web-browser.svg